Free songs
Vilhena, Rondônia, - E-Mail conesulnoticias@hotmail.com

Página inicial / Capa / Caminhoneiro de Rondônia morre carbonizado após choque entre carretas em rodovia no Mato Grosso

Caminhoneiro de Rondônia morre carbonizado após choque entre carretas em rodovia no Mato Grosso


Notícia publicada em 11 de junho de 2018
Vítima indentificada como Eliton Safra era de Cacoal

pio1-1

O Corpo de Bombeiros de Tangará da Serra (MT) recebeu uma chamada na manhã da última sexta-feira (08) pedindo auxílio para o socorro porque um condutor estava preso às ferragens no acidente. Como o veículo pegou fogo, ele acabou sendo carbonizado. O acidente aconteceu na BR-364, cerca de 30 km depois de Deciolândia – sentido Diamantino.

De acordo com o tenente Campos Filho, as duas carretas colidiram quando uma delas tentou desviar de um carro de passeio que realizava ultrapassagem. “O condutor que estava na sua pista, ao identificar que o carro vinha em sua direção, tentou desviar deste carro e ficou na contramão dele, onde vinha uma carreta. Ele tentou desviar, mas esta segunda carreta bateu na lateral, na carroceria e veio a incendiar”, relata o bombeiro.

A neblina dificultou a visibilidade no local. Segundo o bombeiro, o fogo destruiu uma das carretas antes que fosse possível socorrer o condutor.“Na hora do acidente tinha muita neblina e nesta colisão, infelizmente, um dos condutores foi carbonizado. A carreta incendiou. Eles tentaram retirar o condutor, mas ele estava preso às ferragens e infelizmente veio a falecer”.

Quando chegaram ao local, os bombeiros extinguiram o fogo e auxiliaram os técnicos da Politec de Diamantino na retirada do corpo. A vítima fatal foi posteriormente identificada junto à empresa para a qual trabalhava. Trata-se de Eliton Safra, de Cacoal, cidade que fica na região central de Rondônia.

Bombeiros de Tangará da Serra tentam controlar incêndio em carreta na BR-364 (Foto: Suzi do Carmo Reis/Arquivo pessoal)

O condutor da outra carreta não precisou de atendimento médico, mas, segundo o bombeiro, estava bastante assustado. “Ele estava bem, foi mais o choque e o susto de ver o outro condutor morrendo, sem poder auxiliá-lo”.

Fonte: Reprodução/FS
Autor: Radio Pioneira

Comentários

Faça seu comentário

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicadoCampos requeridos são marcados *

*

Ir para o topo